NOTÍCIAS

17 de abril de 2014 - Campos - RJ arte e cultura ciência esportes economia o mundo campos

Presidente da África do Sul anuncia investigação da morte de grevistas

inserido em 17/08/2012 às 15:57:00

Zuma se disse chocado e consternado com incidente | Crédito por Efe Texto atualizado às 18h43 EfeZuma se disse chocado e consternado com incidente MARIKANA, ÁFRICA DO SUL - O presidente da África do Sul, Jacob Zuma, anunciou nesta sexta-feira, 17, uma investigação oficial sobre as "chocantes" mortes de 34 trabalhadores em um confronto com a polícia sul-africana, em uma mina de platina controlada pela empresa Lonmin Plc. As mortes ocorreram em vários confrontos durante esta semana, embora a maioria tenha acontecido em um tumulto confuso na quinta-feira. A mina fica a 60 quilômetros de Johannesburgo, maior cidade e centro industrial e financeiro da África do Sul. Veja também:Polícia mata 34 grevistas e causa comoção Vídeo mostra polícia disparando contra grevistasMilhares de mineiros protestam na África do Sul "Nós temos que descobrir a verdade sobre o que aconteceu lá. A esse respeito, eu decidi instituir uma comissão investigadora. A investigação nos permitirá descobrir a verdadeira causa do incidente e também aprender as lições necessárias com ele", disse Zuma. A polícia abriu fogo contra manifestantes armados com paus e facões na quinta-feira. Desde a segunda, os manifestantes e guardas da mina Marikana tiveram vários incidentes e confrontos, que deixaram cinco mortos. A mina de platina fica perto da cidade de Rustenburg. "Isso é inaceitável no nosso país, que é um país onde todos se sentem confortáveis. Um país que tem uma democracia que todo mundo inveja", disse Zuma à AFP. "Por isso, foi uma coisa chocante. Não sabemos de onde isso veio mas temos que investigar", afirmou o mandatário. Após o número de mortos ficar claro nesta sexta-feira, Zuma cancelou uma visita oficial que faria a Moçambique para uma cúpula da África Austral e foi à mina de Marikana, onde conversou com policiais e autoridades. Mais tarde, ele deverá visitar alguns dos 78 feridos que foram levados a hospitais vizinhos. As informações são da Dow Jones

AE - Agência Estado

Veja esta notícia na página original

GERAL

Taleban sequestra policiais no Afegan...

ESPORTES

Novo presidente são-paulino vai tenta...

ARTE E CULTURA

Personalidades lamentam a morte do Gabo

CIÊNCIA

Astrônomos descobrem 1.º exoplaneta h...

Serviço de comunicação multimídia prestado pela empresa IMA TELECOM LTDA, nos termos da Lei nº 9.472, de 16 de julho de 1997,
Lei Geral de Telecomunicações - LGT, pelo TERMO DE AUTORIZAÇÃO, Ato n.º 2.660/2010.

Rua Salvador Corrêa 139 - Centro - Campos dos Goytacazes - RJ Tel.: (22) 2726-2736 - Suporte Técnico (22) 2726-2726 - Administrativo