Censanet

notícias

notícias da região
tecnologia

segunda, 18 de junho de 2018

5G é argumento para Trump vetar compra da Qualcomm pela Broadcom

Publicado em: 13/03/2018 14:00

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump baixou uma ordem executiva que proíbe a compra da Qualcomm pela Broadcom. O documento sustenta risco à segurança nacional dos EUA com a transferência da desenvolvedora de chips em um movimento visto para manter a liderança americana em tecnologia móvel, especialmente com o advento do 5G. 

“A proposta de tomada de controle da Qualcomm pela compradora (Bradcom) está proibida e qualquer equivalente fusão, aquisição ou controle, direto ou indireto, está também proibida”, diz a ordem presidencial, que cita “evidências” de que a Broadcom ao comprar a empresa americana “pode tomar atitudes que ameacem ou prejudiquem a segurança nacional dos Estados Unidos”. 

Segundo a agência Reuters, fonte junto ao comitê americano de investimento estrangeiro (CFIUS na sigla em inglês) revelou o temor de militares dos EUA de que em 10 anos “haverá essencialmente uma empresa dominante nessas tecnologias, essencialmente a Huawei e as operadoras americanas não terão outra opção a não ser adquirir equipamentos da fabricante chinesa”. 

“Uma mudança para o domínio chinês no 5G teria substanciais consequências negativas para a segurança nacional dos EUA. Os Estados Unidos são dominantes da definição de padrões, mas a China poderia competir fortemente para preencher a lacuna deixada pela Qualcomm como resultado dessa tomada hostil”, diz um documento da CFIUS encaminhado à Casa Branca. 

A Qualcomm é um ator relevante no desenvolvimento de chipsets para o 5G, com estimados 15% das patentes globais, acima dos 11% da Nokia e 10% das empresas chinesas combinadas. A leitura nos EUA é de que a Qualcomm é uma rival estratégica para a chinesa Huawei. 

* Com informações da Reuters

13/03/20185G é argumento para Trump vetar compra da Qualcomm pela Broadcom

12/03/2018Broadcom vai se mudar para os EUA para comprar a Qualcomm. Intel entra na disputa

09/03/2018Qualcomm troca presidente do conselho e tenta evitar venda para Broadcomm

22/02/2018BRPhotonics fecha as portas e desmorona sonho nacional de indústria de componentes

25/10/2017Déficit de eletrônicos cresce 20% e chega a US$ 17,4 bilhões até setembro

11/04/2017Qualcomm reage à Apple e acusa rival de falsas declarações

10/04/2017Foxconn oferece até R$ 85 bilhões para ficar com Toshiba

01/08/2016BrPhotonics se capitaliza para ficar no seleto grupo produtor de chips ópticos

21/08/2015Brasil entra no seleto time produtor de chip para comunicação óptica

17/08/2015Abinee: Brasil vai perder, de novo, o bonde da história em componentes